segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Superintendência considera número de pais insuficiente e aprova construção de quadra em Paraisópolis


O FNDE - Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação liberou uma verba no valor de R$164 mil para a construção de uma quadra na escola estadual Eulália Gomes de Oliveira em Paraisópolis. Porém, o projeto apresentado pelo MEC de ‘quadra tipo 4’ não atende às necessidades da escola sendo que o espaço para construção seria de 15 metros, sem descontar o espaço utilizado para banheiros e palco. Para alguns membros da escola o espaço é insuficiente para realizar as atividades com classes de até 40 alunos.

No dia seis de setembro, uma assembléia foi convocada para que a comunidade decidisse entre a construção ou a devolução da verba. Caso o dinheiro fosse devolvido, a escola pleitearia outra, apenas para a cobertura do pátio, tornando o espaço físico para jogo, maior.

Na ocasião, Henrique, responsável pela empresa vencedora da licitação apresentou o projeto e os pais, funcionários e alunos maiores de 18 anos, puderam votar.

Entre os alunos, os três maiores de idade, votarem contra e entre os pais, de 20, 14 foram a contra e seis a favor. O número de funcionários e professores não foi informado.

Apesar dos dados, Wagner Alexandre de Oliveira da superintendência regional de ensino de Itajubá, que esteve presente no anúncio da liberação da verba, mas não pode comparecer no dia da reunião, afirmou que o número foi insuficiente e definiu que a obra tivesse início.

A diretora da escola Rosemara, assinou a documentação no dia 10 de setembro e aguarda a liberação para que a construção comece. O prazo é de 150 dias para conclusão. Ela está satisfeita com a decisão e afirma que foi democrática permitindo a assembléia.

Por outro lado, professores e alunos estão descontentes com o resultado. Laura Lagoa, professora de educação física, solicitou a SRE – Superintendência Regional de Ensino, a lei que determina o número para tornar a assembléia válida, porém, até o momento não recebeu: “a construção não é ilegal, mas é imoral”, explica ela.  Além disso, também pediu que fosse feita uma reunião com o colegiado, mas, apenas a assembléia foi realizada.

A decisão de contrariar a posição da comunidade tem causado mal estar dentro da escola. Apesar de serem contra a construção da quadra, que segundo alguns professores não beneficiará em nada os alunos, são obrigados a acatar uma ordem superior. Para eles, a decisão da comunidade está sendo desrespeitada.

A supervisora da escola e ex diretora, Fátima Souza compartilha dessa opinião. Para ela além da quadra não ser funcional a decisão de construção foi precipitada: “tinha que ter mais diálogo e a vontade dos professores deveria ter sido respeitada”, explica. Ela diz isso com base nos números: “a maioria dos professores, alunos e funcionários são contra. Só quem vai utilizar a quadra sabe se ela atende ou não às necessidades”, afirma.

Fátima lembra que existe um projeto de quadra ideal de aproximadamente R$194 mil que teria sido elaborado e enviado para a superintendência há alguns anos. A partir dele, a necessidade da quadra passou a ser analisada. Porém, não se sabe onde parou esse projeto.  Ela confirma que o colegiado não foi convocado e diz que quem sabe com uma posição formal dos membros, a comunidade teria mais força para dialogar.

A diretora atual, Rosemana Ribeiro, lembra que a quadra poliesportiva professor Helcias Rocha localizada próxima a escola, está à disposição para uso caso haja necessidade de um espaço maior para atividades. Para alguns professores esse fato, confirma a não funcionalidade da construção da quadra, já que o deslocamento se fará necessário. No entanto, Felipe Toledo, aluno da escola diz que nunca fez aulas no poli e que em dias de chuva, são dadas atividades escritas em sala de aula. Mesmo assim ele defende que prefere continuar como está a ter aulas em espaço tão reduzido.


 

Menor é apreendido duas vezes em menos de uma semana


Uma residência na Rua João de Paula Cabral, bairro José Veríssimo foi invadida por dois assaltantes, sendo um deles menor de idade no dia 18 de setembro.  A vitima contou à polícia que estava dormindo no quarto e quando acordou se deparou com um cidadão utilizando uma camisa para tapar o rosto. O homem anunciou o assalto e ameaçou a vítima de morte com um facão.
            Foram levados quatro pares de tênis, um microcomputador, mídias de DVD, um aparelho DVD, dezessete pacotes de cigarros, camisetas, cuecas, relógios, perfumes, um aparelho televisor de Led e quatro mochilas.
            Enquanto um recolhia os objetos, outro aguardava na porta. De posse das informações e características fornecidas, a PM iniciou rastreamento. Denúncias levaram os policiais até o bairro Alto da Glória em busca de dois suspeitos D.R.C  e H.V.S.
            A residência foi cercada polícia. Enquanto H.V.S conversava com a PM, D.R.C  fugiu pela janela. Na casa foram encontrados os materiais roubados na data e ainda outros objetos furtados de outra casa no bairro Residencial Santa Fé em data passada.
            Os materiais encontrados foram: quatro mochilas, diversas peças de roupas, um videogame Playstation, diversas carteiras de cigarros, um capacete de motocicleta, cinco pares de tênis uma televisão de vinte polegadas, uma placa de automóvel, uma bicicleta e um aparelho DVD.
            Foi encontrado também dentro de uma bota cinco buchas de substância esverdeada semelhante a maconha e vários sacos plásticos de embalagens de sacolé, e um cachimbo usado para consumir entorpecentes.
            Em uma bolsa de cor vermelha foi encontrado um facão, possivelmente usado pelos infratores no delito.
            Foi dada voz de prisão ao autor e ao seu pai J.B.S que é o proprietário da residência. Os dois foram levados ao Hospital e depois encaminhados para a delegacia de plantão da cidade de ITAJUBÁ. O menor D.R.C, velho conhecido da polícia, foi liberado após alguns dias e em 25 de setembro, foi detido novamente por furto. Segundo o comandante da 264ª Companhia, tenente Diego Valote ele e outro menor foram apreendidos na manhã de quarta-feira: “estamos providenciando internação para os dois”, esclarece.



Baúzinho em São Bento agora tem trevo de acesso

A construção de um trevo de acesso ao Baúzinho em São Bento do Sapucaí foi concluída. O local pertence ao Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú e o convênio para a obra foi firmado por meio de uma parceria ente Prefeitura e o DADE (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias).
A construção do trevo soluciona um problema antigo no local. Para subir até o Baúzinho, o motorista realizava uma conversão, passando pela contra mão. As ruas em torno do trevo também passaram por modificações. Foram alargadas e pavimentadas dando mais segurança aos motoristas e ciclistas que frequentam a pedra. Além disso, as descidas íngremes receberam drenagem de água pluvial, para evitar transtornos em época das chuvas.  
Para o trevo de acesso esta previsto ainda a colocação de um totem que identificará a localização do “Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú”.

Informações: Assessoria de Comunicação da Prefeitura


Semana Nacional do Trânsito em Paraisópolis


O CONSEPP - Conselho de Segurança Pública de Paraisópolis, juntamente com a polícia militar, utilizou mecanismos criativos e impactantes para demonstrar os perigos existentes no trânsito, principalmente se combinado com álcool. No dia 21 de setembro, na Praça da Matriz carros acidentados ficaram expostos com faixas relatando o resultado do acidente. Por exemplo: "Embriaguez ao volante. Resultado: A morte do seu melhor amigo, multa e perda da habilitação". "Excesso de velocidade. Resultado: perda material e duas vidas: da filha e da esposa".
Além disso, a equipe de Bombeiros Civis de Paraisópolis fez simulações de resgate. Um teste prático de direção também foi realizado no local. Voluntários sem a ingestão de bebida alcoólica completaram um determinado circuito. Depois, ingeriram uma quantidade de álcool e realizaram novamente o teste. Dessa vez apresentaram dificuldades em completar o caminho, como também apresentaram a diminuição dos reflexos, além de atropelarem os cones de marcação.
Outras ações foram realizadas, como a distribuição de panfletos informativos, testes com etilômetros, testes de visão gratuitos oferecidos pela Prefeitura e a doação de mudas de árvores pelo Lions Clube.

De acordo com o comandante da 264ª Companhia, tenente Diego Valote, o evento teve resultado satisfatório e atingiu um número considerável de pessoas, em torno de 500.

Semana do idoso é comemorada em Paraisópolis

A semana do idoso é comemorada de 24 a 28 de setembro e a Prefeitura Municipal por meio do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social organizou uma série de eventos.

No primeiro dia, missa no Asilo São Vicente de Paula ás 15h e logo em seguida, animado forró. No dia 25, uma sessão de cinema ás 15h também no Asilo. Dia 26, ás 19:30h, bingo e quirera na sede do grupo ‘ Flor da Idade’. Dia 27, o dia começa ás 7h com a tradicional caminhada que sairá da Praça Cel José Vieira, passa pela Rua 7 de setembro, Avenida José Pereira Dias e termina na ‘Flor da Idade’. Para finalizar, dia 28, á partir das 14h, atividades na Praça, tenda de beleza, saúde, mesa de jogos de dama, dominó, teatro com o grupo ‘Toque de arte’ e apresentação da ‘Flor da Idade. O dia termina com o baile da terceira idade no clube recreativo. 

Esporte em Gonçalves conta com dois novos projetos

A secretaria municipal de esporte Lazer e Juventude de Gonçalves acaba de lançar dois novos projetos. ‘Capoeira’ e ‘Sacada certa’, de vôlei.
As duas modalidades serão levadas até os jovens por meio de uma divisão de bairros seguindo um cronograma.
A Capoeira é uma iniciativa da Prefeitura Municipal por meio do departamento responsável juntamente com o CRAS – Centro de Referência de Assistência Social. Além de uma opção para o lazer dos jovens, as aulas pretendem manter as crianças e adolescentes afastados das drogas, aumentar a socialização entre os praticantes, melhorar a auto-estima e segurança além de proporcionar melhores condições de saúde. O projeto teve início no dia nove de setembro.
Seguem os horários e bairros em que o projeto será aplicado: São Sebastião - segunda- feira 18:30h as 20:30h. Centro- quarta-feira 18:00h às 19:3h0 e das 19:3h0 as 21:00h. Bairro Córrego da Foice as 18:00h as 19:30h e São Lázaro 19:45h às 21:00h.
Já as aulas de vôlei, ‘Sacada Certa’ é uma iniciativa individual, do estudante de educação física Douglas Henrique em parceria com as secretarias. Os treinos acontecem desde o dia sete de setembro, sempre aos sábados das 13:45h às 14:45h na quadra da Escola Municipal "Antenor Vieira da Silva". O foco é iniciar meninas entre 11 e 15 anos no esporte e formar uma equipe para futuras competições. O professor já conta com 20 alunas. 
De acordo com o secretário do setor, Cristiano Gomes, a inclusão das novas modalidades é uma tentativa de diversificar o esporte praticado na cidade e fortalecer atividades físicas nos bairros.






Professores participam de capacitação em BH

       

Quatro professores da Escola Estadual Antônio Eufrásio de Toledo, que ministram aulas na disciplina de empregabilidade do projeto ‘Reinventando o Ensino Médio’, participaram de cursos de capacitação em Belo Horizonte. O evento foi realizado pela Secretaria de Educação do Estado, entre os dias nove e 12 de setembro.
Do Sul de Minas somente duas escolas tiveram representantes, o ‘Ginásio’ de Paraisópolis e a Escola Estadual Major João Pereira de Itajubá.
            Cada professor expor os trabalhos realizados na grade do projeto no setor de Turismo, Tecnologia da Informação e Empreendedorismo:
Sérgio Henrique - Curso de Turismo - Projeto: "Um novo olhar sobre o turismo de Paraisópolis";
Flaviano Roque - Curso de Empreendedorismo - Projeto Curtidas (consiste no uso da página no facebook como veículo de comunicação e divulgação);
Beatriz Rodrigues - curso de T.I. - Projetos de jogos didáticos;
Elismara Braga- Curso empreendedorismo - Projeto reciclagem.


            O evento contou com a presença da Secretária da Educação Ana Lúcia Gazzola. Devido ao sucesso dos projetos e das apresentações, os professores ganharam em reconhecimento uma capacitação pela UFMG, cada um em sua área de empregabilidade.

Paraisópolis recebe 2º Sul de Minas Open Taekwondo


No dia seis de outubro, o poliesportivo professor Helcias Rocha de Paraisópolis recebe a segunda edição do torneio Sul de Minas Open Taekwondo.  A Associação Mineira de Taekwondo de Conceição dos Ouros está à frente do evento e conta com o apoio da Prefeitura e de patrocinadores.
A disputa será dividida por categorias: Mirim, Infantil, Junior, Adulto e Senior, feminina e masculina. Nas modalidades: Kiorigui, Poom-se e Kiopa.
Cada equipe deve trazer seus próprios equipamentos, e é obrigatório entrar em quadra com todos os equipamentos (bucal, caneleira, genital, ante-braço, etc). Caso o atleta não esteja com todos os equipamentos ele terá um minuto para colocá-lo, ulrapassando um minuto o atleta será desclassificado. Lembro que somente a modalidade Kiorigui tem essa exigência.
A organização do torneio fica por conta do Mestre Denilson H. Adão, Faixa Preta , 4° Dan e do Professor Rogerio Pereira Isaias, Faixa Preta , 2° Dan.
Felipe Costa de 20 anos, atleta desde os oito anos, explica cada modalidade:
Kiorigui – Luta em si, individual ou em dupla.
Poom-se - Os atletas realizam uma sequência de golpes definidos pela graduação, onde sozinhos simulam uma luta contra vários adversários, e nesta categoria vence quem executa melhor os movimentos.
Kiopa - São técnicas de quebramento em que o atleta executa movimentos para quebrar telhas, madeiras, com chutes e socos, também vence a melhor técnica. Vale usar pessoas como obstáculos para saltar e quebrar com chutes no ar entre outros moldes. Nessa categoria a criatividade é aliada da técnica.
Mais informações: Email: rogerisaias12@yahoo.com.br ourostaekwondo@hotmail.com
Tel: (35) 8436-5179/9897-4869 falar com Rogério
Tel: (35) 9826-2685 falar com Mestre Denilson


Conceição dos Ouros receberá uma máquina retroescavadeira

O governo federal está equipando os municípios do Sul de Minas por meio do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) com motoniveladoras e retroescavadeiras.

Entre os dias 30 de setembro a quatro de outubro o equipamento agrário chegará ao município.  O benefício faz parte do ‘Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2’. O objetivo é garantir o escoamento da produção, dando condições às prefeituras de apoiar os pequenos agricultores.

Festival de gastronomia de Gonçalves tem pré lançamento em São Paulo


O município de Gonçalves se prepara para realizar a 3ª edição do Festival de Gastronomia e Cultura da Roça. Para divulgar a cultura regional, no dia 25 de setembro, será apresentada uma mostra do que está por vir em Gonçalves. As iguarias poderão ser conferidas no Espaço Minas Gerais, em Higienópolis, São Paulo, a partir das 20h. A escolha por São Paulo, segundo a organização é devido elevado número de turistas que frequentam o município mineiro, virem de cidades paulistas.
Lá você encontra as delícias que serão servidas no evento em Gonçalves que acontece nos dias 26 e 27 de outubro, dois e três de novembro. Esse ano o desafio dos restaurantes participantes é apresentar um prato elaborado com banana.
No ano passado o festival reuniu turistas de vários cantos do Brasil, para conferir “A comida da vovó, simples e simplesmente irrecusável”. Esse ano a proposta foi “uai, nós temos banana tamém”.
O resultado dos oito restaurantes inscritos poderá ser conferido na Praça dos Sabores e Saberes. O local projetado especialmente para o Festival fica no centro de Gonçalves. Os participantes servirão mini-pratos durante o evento, mas, continuarão servindo durante o mês de novembro em suas sedes, com o preço normal de cada um. O festival terá preços diferenciados, R$12,00 cada. É importante confirmar presença, já que o pré lançamento não é aberto ao público.



Voando


Depois de tantas edições da Gazeta do Vale dedicadas aos esportes radicais ou de aventura, implantados e praticados em Paraisópolis, eis que chega o momento de dedicar uma ao precursor de tudo isso. Thiago Messias. Mas, pode chamá-lo de ‘Zica’.
Na última sexta-feira, 13 de setembro alçou voo nosso passarinho mais cativo. No pico das três torres, em Santa Rita do Sapucaí foi visto saltar pela última vez. E quem é que poderia imaginar?
A confirmação de que nosso piloto ‘mala’ havia nos deixado, foi dada no domingo (16) no Hospital Samuel Libânio, em Pouso Alegre onde fiou em coma desde o acidente. Ao ser constatada morte cerebral, nada mais poderia trazê-lo de volta.
Um Thiago apenas já dava muito trabalho, mas, que tal multiplicá-lo por pelo menos quatro?
Pois é! Em meio ao sofrimento da perda, a família optou por passar adiante não só os órgãos do piloto, mas também toda sua saúde e alegria irradiada por ele.
Segundo o MG transplantes, o coração foi captado por uma equipe médica de Brasília, levado em um avião da Força Aérea Brasileira. Os rins serão transplantados em Pouso Alegre e as córneas enviadas para o banco de olhos do Hospital Alzira Velano, em Alfenas.
O corpo de Thiago foi sepultado na manhã do dia 17, no cemitério Jardim. Na despedida emocionante, a canção ‘Saber voar’ marcou o fim da trajetória dele na terra. Canção esta que embalou vídeos com os momentos mais emocionantes de sua passagem por aqui.
O Esporte perdeu seu maior fã e nós, nosso maior mestre!
Voa Zica! Ri de todo mundo aí de cima e claro: ‘otimismo sempre’!

Esta é uma pequena homenagem do Jornal Gazeta do Vale, a quem Thiago sempre disponibilizou informações, e destacou suas aventuras. Perdemos uma grande fonte de notícias. Com certeza seu legado fará de sua trajetória uma rampa para alçar vôos ainda mais altos e finalmente tornar o esporte de aventura em Paraisópolis, referência. 

‘Tinha um Drummond no Meio do Caminho’ acontece em São José dos Campos e leva artistas de Paraisópolis


A 3ª Caminhada Poética ‘Tinha Um Drummond no Meio do Caminho’, será realizada, no próximo domingo, dia 29 de setembro. O encontro está marcado para às 10,00, no Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos. A Entrada é gratuita.
O Grupo de Teatro Toque de Arte, de Paraisópolis, se apresentará dentro do Parque. O organizador José Antonio Braga Barros explica como funcionará: os artistas irão percorrer as construções antigas, uma arquitetura maravilhosa dos antigos sanatórios, com a interação permanente dos caminhantes e vão seguindo o Grupo em dez paradas poéticas.
Alessandra Bernardes do grupo de teatro, diz que os chamados para participarem de eventos têm sido frequentes. No dia 11, foram convidados para fazer a abertura do FICA2013 em Itajubá acompanhados por uma seresta.

Ela explica que essa é a segunda vez que trabalham o livro "Alguma Poesia" de 1930: “todos estarão mais uma vez vestidos a caráter e no total são declamados 50 poemas”, conta ela. 

ONG ‘Resgate Quatro Patas’ lança 1ª semana de proteção animal em Paraisópolis

A semana de proteção animal terá início no dia 30 de setembro e termina no dia seis de outubro. A data foi escolhida para homenagear São Francisco de Assis, protetor dos animais que é comemorado no dia quatro de outubro.
Uma série de eventos de conscientização aos cuidados com os animais serão realizados na Praça Coronel José Vieira, escolas e nas ruas.

Programação:
-Sexta feira (04/10) exibição do filme da história de São Francisco de Assis as 19:00h;

-Sábado (05/10) haverá barracas de atendimento veterinário gratuito aos animais, presença de representantes de ração divulgando sua marca, distribuição de brindes, presença da policia ambiental tirando dúvidas e apresentando seu trabalho, cama elástica e DJ TUCO na animação das 09:00h ás 17:00h;

-Domingo (06/10) encerramento com bazar e mesa de doces das 07:00h ao 12:00h. O dia todo ficará montada também a barraquinha de adoção dos animais. 

‘Jiu-jítsu Solidário’ de Sapucaí - Mirim conquista bons resultados em São Bento


Alunos do projeto social JJ Solidário’ de Sapucaí - Mirim participaram da ‘1ª Etapa da Copa Super Ação de Jiu Jitsu’ em São Bento do Sapucaí. A competição aconteceu no dia 22 de setembro e reuniu atletas de toda a região.
Seis alunos da equipe ‘Paulo Soares Gold Team’ obtiveram bons resultados. Destaque para os atletas Arnaldo Nunes que garantiu o 2º lugar da categoria Sênior/Faixa branca/ate 70 kg, David Eduardo, 3º lugar da categoria Sênior/Faixa branca/ate 70 kg e Leandro Poepcke 3º lugar da categoria Adultor/Faixa branca/ate 90 kg.
O SD PM André Luís idealizador do projeto destaca a importância do esporte na sociedade e afirma: “O esporte é essencial para o desenvolvimento saudável das pessoas. Por isso, devemos investir nessa área, porque reduz a probabilidade de aparecimento de doenças e ajuda na inclusão social.
O atleta lembra ainda que a prática esportiva é importante em qualquer idade pois atua na prevenção de diversas doenças cardíacas, diabetes e obesidade. A prática aumenta também a capacidade mental, fortalece os músculos, retarda o envelhecimento, aumenta o espírito de equipe, disciplina, auto-estima e respeito.
A participação dos jovens e os bons resultados obtidos trazem enorme satisfação aos fundadores do projeto social que tem como objetivo além de inserir o esporte na vida das pessoas também, auxiliar na prevenção e combate às drogas.


Obras do Mercado Municipal estão em fase final

            
            
            Um pedido antigo da população de São Bento do Sapucaí está prestes a ser atendido. As obras de reforma no Mercado Municipal serão entregues em breve. Paralisadas na gestão anterior, as obras foram retomadas no mês de julho.

            A previsão de conclusão é para o mês de novembro. A verba utilizada vem do DADE (Departamento de apoio ao desenvolvimento das estâncias). A construção do pavilhão de exposições abrigará lojas disponibilizadas posteriormente por meio de licitação. O mercado irá dispor também de restaurante e banheiros.

Lions Clube de Paraisópolis recebe governador do Distrito LC12


Na sexta-feira dia 20 de setembro, o LIONS Clube de Paraisópolis recebeu a visita do governador do Distrito LC12, CL José Maria e da esposa Ana Marly.
Na oportunidade, o casal acompanhou a presidente do Lions de Paraisópolis, CaL Adriana Corrêa  e membros do Clube, em visitas à obras assistenciais como APAE, Casa da Criança, Asilo, Centro Espírita Vida e Luz , além de participar de encontro com a Prefeita Sílvia Renata Teixeira Rodrigues, no gabinete.
Logo após, foi realizada uma assembléia festiva na sede do Lions com a presença dos membros do Lions, representantes das entidades assistenciais e de autoridades civis e militares.
O mandato da governadoria tem duração de um ano e a visita do governador teve como objetivo conhecer a estrutura interna do ‘Lions Clube’, os trabalhos, as entidades assistidas e ajudar cada clube de acordo com as necessidades. O Governador falou da importância do Lions para a sociedade e ressaltou alguns pontos: “O Lions como um todo é voltado à visão, ao combate à cegueira, além de atuar em prol de temas como educação, meio ambiente, asilos, creches, entre outros”.
 No último dia 21, quando é comemorado o dia da árvore, a equipe do Lions promoveu o plantio de árvores e flores no trevo de acesso a Paraisópolis e na Avenida José Pereira de Souza Dias. 


ACOSM participa da 29ª Prova Pedestre da Independência em São Sebastião


No dia sete de setembro, a equipe ACOSM - Associação de Corredores de Rua de Sapucaí - Mirim, disputou a 29º edição da prova pedestre da independência em São Sebastião, São Paulo.

Antes de partir de Sapucaí - Mirim para o local da prova, os atletas acompanharam o hasteamento das bandeiras do Brasil, de Minas Gerais e do município. A professora Simone Púppio e o Prefeito Jefferson Rennó desejaram boa sorte aos 23 integrantes da equipe.

Devido ao grande fluxo de veículos na Rodovia Tamoios, por pouco não perdem a largada.

            Foram seis km percorridos na prova pela categoria adulto e 2 km na infantil.
            A ACOSM colocou 18 atletas entre os cinco primeiros de suas respectivas categorias.
A participação dos atletas, contou com o apoio da Prefeitura Municipal que disponibilizou um veículo para transportar os alunos do Projeto Correndo para o Futuro nesta competição.



CATEGORIA INFANTIL MASCULINO:
1º - Cristopher Alisson Pereira
2º - Lucas Leonel Ribeiro

CATEGORIA INFANTIL FEMININO:
2ª - Carolina de Paula Santos
3ª - Darlene do Prado
5ª - Dalvany Ribeiro do Prado

CATEGORIA JUVENIL MASCULINO:
1º - Gabriel Felipe de Castro
3º - Vinícius Sávio Ribeiro Teixeira
4º - Samuel Ramos da Silva
5º - Leonardo Bruno Moraes

CATEGORIA SUB-25 FEMININO:
2ª - Samara Ap. Alves Rosa Pimentel
3ª - Bruna dos Santos Rosa Carvalho

CATEGORIA SUB-30 MASCULINO:
4º - Willian Francisco Teixeira

CATEGORIA SUB-30 FEMININO:
2ª - Luanna Marilia Rodrigues Pimentel Teixeira

CATEGORIA SUB-35 MASCULINO:
6º - Denis Felipe V. Barbosa

CATEGORIA SUB-35 FEMININO:
1ª - Valéria Fátima Santos
2ª - Ana Paula Teixeira

CATEGORIA SUB-40 MASCULINO:
5º - Antonio Pedro de Moraes
10º - 
Jeferson Pereira
11º - José Roberto de Souza Teixeira
16º - 
Daniel Rodolfo Palma


CATEGORIA SUB-45 MASCULINO:
4º - Rodolfo de Barros Silva

CATEGORIA VETERANO MASCULINO:
1º - Pedro Tadeu Pereira





segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Projeto de quadra liberado pelo MEC não atende às necessidades de escola


Uma verba no valor de R$164 mil foi liberada pelo FNDE - Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, para a construção de uma quadra coberta, estruturada com arquibancadas, palco e banheiros na escola Estadual ‘Eulália Gomes de Oliveira’, em Paraisópolis. O problema é que a estrutura do projeto apresentado pelo MEC não atende às reais necessidades da escola que conta com turmas de até 40 alunos por classe.

A planta apresentada, apesar de muito boa, limita o espaço físico de jogo por conter palcos e banheiros. O terreno disponível para construção tem 17 metros, sendo que apenas 15 metros correspondem a quadra, isso sem descontar a área de recuo, dos banheiros e do palco. Caso seja construída, por ser uma obra do estado não poderão ser executadas modificações como foi dito pela Secretaria de Educação de Itajubá, de onde Paraisópolis é subordinada.
Para discutir o assunto, foi convocada uma assembléia entre pais, funcionários, professores e alunos no dia seis de setembro. Esteve presente também, o engenheiro Henrique, responsável pela empresa vencedora da licitação, que apresentou o projeto alegando sua viabilidade. Em contrapartida, os professores de educação física Laura e Pedro, expuseram as reais condições de aulas. Laura atua como professora na Eulália há 11 anos e conhece de perto a luta para conseguir a verba, porém atesta a impossibilidade de trabalhar com um grande número de alunos em um espaço tão reduzido. Pedro, acostumado com o dia a dia na escola garante que o projeto não atende a realidade escolar: “não precisamos de banheiro na quadra e palco, precisamos de um espaço coberto para trabalhar. Não trabalho com alunos dentro do banheiro”, explica ele.
Dadas as circunstâncias, a escola pleiteia a devolução da verba e solicitaram a construção apenas de um pátio coberto, sem nenhum dos recursos oferecidos no interior. Apesar de saberem das dificuldades que serão mais uma vez encontradas, os professores optaram por essa decisão, já que a quadra não trará os benefícios esperados.
A diretora Rosemara assinou um termo de compromisso em maio desse ano na presença de Ana Lúcia Gazola Secretária Estadual da Educação. Em julho, aconteceu o processo de licitação. A Empresa Guanandi saiu vencedora e ficou responsável por arquitetar o projeto.
Como representante da escola, a diretora foi em busca da democracia: “eu, como diretora, não devolvo verba quem devolve é a comunidade. Não vou assinar a devolução”. A quadra é ruim? É. Vem outra verba? Não sei”, explica ela, preocupada com a decisão.
Outra preocupação é com relação ao prazo de início das obras que já está correndo: “a decisão precisa ser tomada com urgência”, afirma ela.
Os alunos que estavam presentes na reunião são unânimes: “preferimos jogar no sol que em uma quadra menor do que essa”.
Wagner Alexandre de Oliveira da superintendência regional de ensino de Itajubá, que esteve presente no anúncio da liberação da verba, não pode comparecer no dia da reunião.




Equipe de voluntários de une pela 4ª vez em prol da AP

Está marcado para o dia 28 de setembro, mais um mutirão voluntário na APAE de Paraisópolis. Os primeiros trabalhos realizados foram a pintura das paredes laterais e dos corredores centrais. Para a próxima visita, o objetivo é colorir as paredes quê estão sobre o telhado.
A equipe inicialmente formada por William, Clodoaldo, Junior e Tonho Reto, ganha novos adeptos a cada dia.
A tinta utilizada é fornecida pela instituição, já o material pertence aos voluntários. Os trabalhos começam ás 8h e vão até ás 17h. Qualquer pessoa interessada em ajudar, será bem-vinda.

Tonho define como ‘gratificante’ a tarefa. Para ele é uma forma de retribuir o trabalho desenvolvido pela APAE em Paraisópolis. 

Câmeras de segurança instaladas em Paraisópolis já ajudaram em três ocorrências


Nas primeiras duas semanas de monitoramento do sistema de segurança implantado em Paraisópolis, três ocorrências foram identificadas pela PM por meio das imagens gravadas. 
A primeira contribuiu na identificação dos os responsáveis por assaltar uma farmácia. A segunda registrou a tentativa de invasão do Fórum e a terceira, uma tentativa de roubo de um capacete na praça.
Os aparelhamentos começaram a ser instalados no dia dois de agosto e desde o último dia quatro, 16 dos 26 pontos já possuem câmeras funcionando.
O sistema é um projeto da Prefeitura, do CONSEPP - Conselho de Segurança Pública de Paraisópolis, Polícia Militar e iniciativa privada. . Das 10 câmeras restantes, algumas já possuem destino: Rua Pouso Alegre com Travessa Frei Caetano e Distrito de Costas. As demais localidades ainda estão em fase de estudo.
Os vídeos são enviados, via fibra óptica, para a central de monitoramento instalada no quartel da PM. O acompanhamento das imagens fica a cargo de quatro policiais militares treinados no 56º Batalhão, em Itajubá. Serão turnos de 12 horas cada um e vigilância 24 horas por dia.
As câmeras produzem imagem em HD, tem o alcance de até 150 metros e filmam um ângulo de 360º. As imagens salvas podem ser repassadas em casos de furtos em geral, dano ao patrimônio público, crimes, entres outras infrações.
De acordo com o comandante da 264ª Companhia, tenente Diego Valote, com o serviço de monitoramente completo, 95% da cidade estará sob vigilância.

A empresa SBS Net é responsável pela instalação dos equipamentos. O proprietário Benjamim Braga, garante que o sistema é de última geração, encontrado apenas em cidades de grande porte.

Ciclo de palestras "As várias faces da sociedade” no Inatel


Sem utilizar slides ou tópicos, foi por meio de um bate-papo quase informal que o sociólogo, historiador e professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing – ESPM, Jair Marcatti conquistou a atenção do público em sua maioria formada por estudantes da área de exatas. O tema foi discorrido sobre Comunicação e mídia: A Era da Imagem.
A palestra aconteceu no auditório Aureliano Chaves, no Campus do Instituto Nacional de Telecomunicações – INATEL, em Santa Rita do Sapucaí, em parceria com a Faculdade Católica de Pouso Alegre – FACAPA, sexta-feira dia 30 de agosto.
Na palestra, Marcatti, abordou temas relacionados à imagem e comunicação, fazendo paralelos e utilizando exemplos do passado, presente e projetando um possível futuro. Para ilustrar, contou um pouco da história da divisão do tempo e da dificuldade em se denominar o período atual. Segundo o estudioso, existem cerca de 60 conceitos apontados por pensadores sobre a era contemporânea, entre eles podemos destacar: sociedade do consumo, da informação, do espetáculo, do conhecimento, da tecnologia e por aí vai.
Entre todos esses conceitos, um único consenso: o mundo mudou. Essa mudança pode ser marcada no calendário por volta da década de 1950, final da II Guerra Mundial, quando as transformações começaram devido aos avanços tecnológicos surgidos na época que possibilitaram a difusão da televisão. Lembrando que a primeira transmissão televisiva do Brasil aconteceu em 18 de setembro de 1950, pela TV Tupi de São Paulo. O principal responsável pela transmissão foi o jornalista Assis Chateaubriand.
A TV ganhou ainda mais força, segundo Jair, por volta de 1969, com a ida do homem à lua e logo após, as eliminatórias da copa do mundo de 70. Cada acontecimento desse transmitido guinava a venda do aparelho.
Desde então, o hábito de assistir TV sofreu mudanças. O que antes servia para unir, hoje, individualiza. 
Outros temas foram utilizados para esboçar as mudanças comportamentais durante a palestra, entre eles: família, religião, preocupação com o corpo, valores morais, enfim, há uma infinidade de assuntos que passaram por transformações radicais com o passar dos anos. Em 1975 a lei do ‘desquite’ gerou muita polêmica e preconceito, hoje o professor conta que em um banco de dados pessoal, criado por meio de um questionário aplicado em seus alunos, chegou a 85% de filhos de pais divorciados.
Por fim, a imagem. Para entrar nesse assunto, Jair, usou exemplos engraçados com os quais se deparou em sua vida. Por mais estranho que possa parecer, a imagem tornou-se mais importante que a realidade. Nos dias de hoje a realidade é montada a fim de ser imortalizada numa imagem e mais nada
.A superficialidade com que os momentos são tratados e a individualização das pessoas, apesar de ser o ‘modelo’ de vida moderna, deixa uma lacuna fundamental: a falta de convívio. 

Programa Germinar em Paraisópolis

O Instituto EcoSocial e a Rede Germinar irão realizar uma apresentação em Paraisópolis no dia 16 de setembro no salão do Asilo São Vicente de Paula ás 19h. A entrada é franca e o tema discorrido será: Desenvolvimento de líderes Facilitadores. O objetivo é a formação de agentes para o desenvolvimento integrado, orgânico e sustentável das pessoas, organizações e ambiente social.
O programa oferece recursos para a leitura crítica da realidade local e contextual, da vivência pessoal e social, identificando e analisando aspectos e modos de ação para transformação social, facilitação de diálogos e inspiração para mudanças.
O evento visa atingir como público: Líderes comunitários e de iniciativas sociais (ONG's, cooperativas, associações, institutos, etc.) empreendedores sociais, profissionais da área de responsabilidade social e sustentabilidade, indivíduos interessados em descobrir como atuar em benefício do meio socioambiental.
Apresentação fica por conta de Sílvio Urbano, precursor do programa Germinar e consultor membro  do Instituto EcoSocial e de Márcia Andrade, também consultora e Multiplicadora do Programa Germinar.
Informações: Marisa Lima Lopes 84238391 vivo e Nega Andrade 84386644 claro 92271579 tim


Paraisópolis pretende seguir modelo de casas populares de São José dos Campos

A prefeita Sílvia Renata Teixeira Rodrigues esteve em São José dos Campos, no dia seis de agosto para conhecer o projeto de construção de casas populares. Na oportunidade, teve acesso também ao modelo de convênio assinado pela prefeitura com a Associação de Engenheiros e Arquitetos.
O convite para a visita foi feito vereador de São José, Tonhão Dutra, natural de Paraisópolis.
O objetivo é construir cerca de 60 casas populares em um terreno de 20.377m², situado próximo ao loteamento do Baleia, por meio de dois programas de habitação: Minha Casa, Minha Vida (Governo Federal) e COHAB (Governo Estadual).
Na prática, com estes programas, a Prefeitura fica responsável pela disponibilização do terreno bem como pavimentação, água e luz.
A prefeita afirma que busca a realização dessa obra desde o primeiro dia de mandato: “assim que tivermos a liberação dos órgãos e empresas competentes, divulgaremos amplamente aos cidadãos paraisopolenses”.
Além dela, esteve presente na visita, Fernanda Campos Brasil, do Departamento de Assistência Social.


Atletas pedalam até a Basílica de Aparecida


Foram 108 km percorridos em 11 horas de pedaladas até a basílica de Nossa Senhora Aparecida no estado de São Paulo. O passeio aconteceu no dia 31 de agosto e reuniu 24 atletas, entre eles o mascote da turma, Raphael Cunha de apenas oito anos que acompanhou os pais Guto Brisola e Teresa Cristina.
A mãe orgulhosa conta que a parte mais emocionante foi a chegada na basílica, quando o grupo foi puxado pelo mascote, muito respeitado e incentivado por todos os ciclistas: “agradeço de coração o carinho que tiveram com meu filho”.



Padre desaparecido é encontrado morto em São Bento


O padre Wladimir Anselmo da Silva, de 50 anos estava desaparecido há duas semanas e foi encontrado no dia sete de setembro na mata dentro de uma propriedade particular próxima a Pedra do Baú em São Bento do Sapucaí, em um lugar de difícil acesso. O religioso atuava em São Paulo e foi visto pela última vez no dia 24.
A causa da morte é desconhecida e será investigada pela polícia. Não havia sinais de violência no corpo. A polícia acredita que a morte tenha sido por causas naturais e ocorreu recentemente: “não estava em decomposição e estava com os documentos”, afirmou o delegado, João Jacob Sá de Toledo, responsável pela investigação.
Segundo informações publicadas no site da Arquidiocese de São Paulo, o sacerdote estava com depressão e fazia um tratamento psiquiátrico com uso de medicamentos fortes desde janeiro e esteve internado em um hospital psiquiátrico. Ele morava na Paróquia Santos Apóstolos, na Região Episcopal Brasilândia, na capital paulista.
Antônio Leite Barbosa, um dos religiosos que esteve em São Bento para cuidar da liberação do corpo, disse que o padre desapareceu após uma reunião entre eles.
Ainda de acordo com o delegado, a família do padre é do Paraná e devem ser ouvidos nos próximos dias. A polícia ainda não sabe o que o padre estava fazendo em São Bento do Sapucaí.
Um laudo necroscópico, que deve ficar pronto em 30 dias, vai apontar as causas da morte.